Hiperatividade Detrusora, Bexiga Neurogênica e Neuromodulador Sacral

               O quadro de hiperatividade detrusora, que é, quando a bexiga apresenta contrações autônomas frequentes, muitas vezes levando a perdas urinárias, incontinência e até dor, geralmente são tratados com medicações orais como a oxibutinina, tolterodina, solifenacina, entre outras, com boa resposta. Entretanto alguns pacientes não conseguem bons resultados com esse tipo de tratamento.

               Pacientes com história de trauma raquimedular alto, principalmente se pegar segmento cervical da coluna, podem evoluir com quadros de bexiga neurogênica necessitando de cateterismo intermitente. Esses pacientes podem evoluir com contrações severas que podem levar a sintomas importantes, além de por em risco o trato urinário superior, com lesões renais que podem inclusive levar o paciente a insuficiência renal.

               Um tratamento moderno que tem apresentando resultados surpreendentes em muitos desses quadros é o neuromodulador sacral, um aparelho muito parecido com um marcapasso que ajuda a controlar as contrações da bexiga ajudando muito a reduzir o quadro de hiperatividade, controlando a incontinência para o paciente conseguir ficar seco e protegendo pacientes de lesões renais e até da insuficiência renal em quadros mais graves.

               Muitos paciente que foram submetidos a esse tipo de tratamento conseguiram uma grande melhora na qualidade de vida.

.

Tendo qualquer dúvida mande mensagem pelo fale conosco.

Hospital São Matheus

Feira de Santana - Bahia

(75)3616-8888

Hospital Incar

Santo Antonio de Jesus - Bahia

(75)3311-6652

CLÍNICA SENHOR DO BONFIM

IUNE

IUR

Dr Nilo